19 de dezembro de 2012

Para sempre

O coração bate mais rápido. Te ver ao entrar naquela sala, sem nunca ter te visto na vida, foi realmente algo que me despertou sensações. Desde aquele dia até então, eu tenho te amado como nenhuma outra pessoa amou alguém no mundo.

Te toquei, e então senti algo como gelo. Sabia que nos éramos diferentes, mas o fato de eu ser quente e você tão frio, de certa forma combinavam. Os opostos não se atraem nessa história, se amam. E eu queria ficar com você todos os dias, cada minuto e segundo. Minha vontade era passar o resto da minha vida ao seu lado, afinal, a eternidade era algo convidativo para nós, não é mesmo? Convidativo e ao mesmo tempo impossível. Mas nada do que poderia vir pela frente me impediria. Cada átomo do meu corpo esperava por você, e pela nossa vida juntos.

Eu sabia que você me amava, me desejava e se controlava pelo meu próprio bem. Nunca tinha vivido nada assim até então, nem visto uma história acabar desse jeito. Você então me abandonou, como se nunca tivesse sentido nada verdadeiro, como se tudo o que nós vivemos tivesse sido em vão. Simplesmente não dava para acreditar em você. Como assim você não me amava mais e eu viveria bem com isso? Eu só queria morrer, deitar e deixar que a terra me engolisse de uma vez por todas. Eu te ouvia cada vez que chegava perto do perigo, e sabia que mesmo longe você estaria ali, para sempre. Mesmo que não fosse comigo. Mesmo que não estivesse perto de mim.

Felicidade é algo que eu só fui compreender no dia em que eu te vi depois da nossa última conversa. Eu estava lá para te proteger, e então aquele nosso beijo me provou que nada do que você disse teria sido verdade. Eu sabia que o que você sentia era verdadeiro, e que nada no mundo poderia mudar aquilo. Apesar de tantos obstáculos, nós vencemos afinal. Tanta história para contar, você e essa sua mania de sorrir sempre tão lindo, eu finalmente pronta para passar a eternidade ao seu lado.

No fim, tudo se encaixou. Coisas que não sabíamos porque aconteciam, finalmente nos mostraram que as coisas andaram como tinham que andar. Você e eu, o resto do mundo para trás. Você já conseguia ouvir meus pensamentos, e eu jurava que te amava mais do que minha própria vida. Eu esperei tanto por alguém como você... E toda essa espera valeu a pena.

Príncipes não existem, mas você é uma exceção. Você é e sempre será parte de mim, a parte que me fez nascer de novo e viver para sempre. Eu sou imortal ao seu lado, e esse mundo é infinito para nós dois.

“Eu tenho te amado por mil anos. E vou te amar por mais mil.”

4 comentários:

  1. Rascunho bem feito, isso sim. Se é que pode chamar de rascunho. Ficou muito bonito o o texto e muito atrativo a cada estrofe.
    Como estou fazendo 1 ano e 7 meses de namoro hoje, to meia encantada por textos assim ultimamente, não repare haha um beijão, parceira do projeto <3
    já estou lhe seguindo.

    ResponderExcluir
  2. Nossa, que bom que gostou, fico muito feliz! Estava bem insegura para postar esse texto...
    Eba, parabens pelo 1 ano e 7 meses! haaha
    beijão, vou te seguir lá tambem parceira do projeto rs <3

    ResponderExcluir
  3. Adorei demais o texto, muito perfeito. Seu blog é muito lindo, muito ótimo; Já to seguindo. Segue o meu também? www.espacegirl.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Obrigada, e que bom que gostou! Vou lá seguir sim, beijo s2

    ResponderExcluir