VOTOS


Eu achei que seria mais fácil falar sobre você, considerando as minhas tentativas falhas de ser escritora. Já foram muitos textos escritos em madrugadas silenciosas, sobre amor e sentimentos tão intensos e profundos que eu guardava dentro de mim. Quando me deparei com a folha em branco, foi difícil iniciar algo que talvez seja o escrito mais importante da minha vida: os meus votos para você. 

Lembro como se fosse hoje daquele dia em que eu perguntei: "Abel, você quer ser o meu amigo?". Eu me sentia sozinha, e de alguma forma o seu jeito acolhedor me atraiu para perto de você. Eu não sei explicar ao certo em que momento nos tornamos tão próximos, mas quando eu vi, eu já não conseguia mais ficar sem as suas ligações diárias e as conversas que me mostravam cada vez mais uma face de Jesus que eu não conhecia. 

Eu tinha acabado de começar uma nova temporada com Deus, não entendia muitas coisas, não me sentia parte de nenhum lugar, e você foi me mostrando aos poucos que eu poderia ser uma filha amada. A nossa amizade começou de um lugar tão diferente de todas as outras amizades que eu já tive - eu confiava facilmente em você, não só os cafés no fim da aula da faculdade, mas também a minha vida. 

Quando eu achei que jamais encontraria alguém que me entenderia e gostaria de mim exatamente do jeito que eu sou - eu te encontrei. Eu sonhava em viajar o mundo e morar em vários países aleatórios só porque não queria me apegar a ninguém, nem gostar de ninguém, muito menos amar. Até que um dia eu estava no ônibus voltando para casa, e me vi escrevendo meu primeiro texto para você. Livre. Leve. Sem pesos, sem obrigações. As palavras só saiam despretensiosamente, e meu coração começava a acelerar ao pensar em tudo o que eu estava vivendo. Simplesmente não podia ser real. 

Abel, você me fez conhecer o amor. Não só o de Deus, não só o do Abel amigo, mas o verdadeiro amor. O amor que eu nunca tinha sentido antes, mesmo quando eu achava que poderia ser algo parecido, foi com você que eu entendi o que é o amor de verdade. E descobri que ele vai muito além de borboletas no estômago e poemas profundos sobre o que estamos sentindo: ele é uma escolha diária de estar com alguém, respeitar esse alguém e, acima de tudo, fazer esse alguém feliz. 

E pensar que tudo começou com uma simples pergunta, e uma amizade verdadeira que se estendia das aulas da faculdade, até o caminho para a sala de aula, e da sala de aula pra Starbucks. E agora eu estou aqui, tentando explicar em palavras o quanto eu te amo, e como eu sonho em tomar café com você o resto da minha vida. 

Eu queria falar mais sobre você, mas eu entendi que falando quem eu me tornei quando você chegou, tudo ficaria um pouco mais fácil e eu me expressaria melhor. Hoje, os meus olhos brilham quando você está por perto. Eu me tornei alguém mais alegre, feliz, alguém que entendeu o significado de ser amada por Deus. Com você eu amadureci, eu entendi o que é respeito, eu vi que poderia sim ter ao meu lado alguém que me ama e que tem um caráter aprovado, é íntegro, amoroso, gentil, honesto, carinhoso. Eu nunca achei que merecia viver o que eu vivo hoje com você, mas Deus foi muito bom comigo mesmo quando eu não pedi. Eu não fiz uma lista, mas você chegou com todos os requisitos que alguém que quer ser feliz de verdade, poderia querer.  Desde quando eu não sabia ao certo o que queria da vida, você se mostrou presente e nunca desistiu de mim. E mesmo quando eu pensava em desistir, você me mostrava porque valia a pena continuar. E quando eu não via o meu valor, você me explicava que eu tinha valor para a pessoa mais importante das nossas vidas: Jesus. E era isso que importava, acima de tudo. 

Um dia eu li que a gente não cai de amores como se caísse em um buraco, mas sim como se estivesse flutuando no espaço. É como se a gente pulasse para fora do nosso próprio planeta para visitar o planeta de outra pessoa - e aí quando a gente chega, tudo parece diferente: as flores, os animais, as cores das roupas que as pessoas usam. É uma surpresa se apaixonar, porque a gente pensa que está tudo bem no nosso próprio planeta, mas a verdade é que de repente alguém mandou um sinal pra gente através do espaço, e a única forma de visitar esse lugar é dando um enorme salto. E aí a gente cai na órbita de outra pessoa, e de repente estamos juntando os planetas e chamando eles de "casa". E aí a gente pode levar tudo o que a gente quer: a nossa coleção de canecas, as nossas meias esquisitas. E a gente pode chamar nossos amigos para nos visitar. Ler as nossas histórias favoritas um para o outro. E aquela queda foi realmente o grande salto que a gente teve que dar para estar com alguém com quem a gente quer estar sempre. E para isso, a gente tem que ser corajoso. 

Eu escolho ser corajosa com você, todos os dias, pelo resto das nossas vidas. Eu escolho hoje andar lado a lado com você, te respeitar, cuidar de você e rir das suas piadas - até as mais bobas, porque você é o rei dos trocadilhos improváveis. Eu prometo te amar todos os dias e assistir os seus filmes de ação mesmo quando os meus favoritos são os de romance adolescente. Eu consigo visualizar a nossa varanda com uma cadeira de balanço, os nossos cafés ao lado, e a gente dando risada de coisas totalmente sem sentido - porque é desse jeito que a gente mais se conecta, sendo nós mesmos um com o outro. E eu amo ser eu mesma com você. Eu amo saber que eu posso ser a Larissa de verdade - a Larissa que já sofreu muito, que às vezes - muitas vezes - se acha insegura e insuficiente, mas que no seu colo lembra que foi escolhida e é amada todos os dias, meses e anos. Eu esperei por muito tempo achando que não te encontraria, e hoje,  até quem me vê lendo jornal na fila do pão, sabe que eu te encontrei… mas a verdade é que eu fui encontrada. 

Abel, você é o maior escrito de uma pseudo escritora que se encontra através das páginas em branco. Você é o meu doce apego. É a pessoa que eu amo todos os dias, que eu vou amar todos os dias. Você é o amor que eu sempre sonhei em viver, intenso e verdadeiro, com aquele fundo de música antiga que a gente gosta de ouvir. 

Hoje nós damos um passo que sonhamos por tanto tempo, e eu tenho certeza de que Deus sempre estará guiando todos os próximos. Afinal, não existiria Abel e Lari sem a vontade Daquele que nos amou primeiro. Daquele que me mostra todos os dias o quanto essa escolha tem sido certa, e vai continuar sendo, pelo resto das nossas vidas. 

Há exatos 4 anos você me abriu uma parte do seu coração que eu não conhecia. E eu percebi que já estava ali, já tinha conquistado o meu cantinho, e tudo foi tão intenso que eu passei horas pensando naquilo sem ao menos conseguir dormir. E hoje eu queria te mostrar que mais do que amar o poema que marcou as nossas vidas, eu quero ser a resposta de tudo o que você sentiu naquela madrugada do dia 21 de agosto de 2017. 

Pensei que se te escrevesse hoje, 
Seria surpresa de verdade 
Espera um simples texto de amor, 
Mas vou contra a sua vontade 
Um dia você quis conhecer os meus sorrisos e olhares de vergonha, 
A minha esperança e inocência risonha 
Mas então botou a mão no fogo e não se queimou, 
E esquentou finalmente o seu coração tão cheio de amor 
Que Deus me perdoe por ter um dia errado com você, 
Por ter um dia pensado que você não era o meu girassol, 
E quase ter te perdido de vista 
Porque você sempre viu em mim um farol, uma luz, um guia 
Mesmo quando eu não merecia 
E procurava uma risada em mim para acalmar o seu oceano pouco pacífico, 
Via em mim uma luz e a noite virava dia 
E a gente conversava a noite toda 
E você achava que aquilo não poderia ser normal 
Porque eu também conversaria com você literalmente o tempo todo 
Até aparecer o sol de novo 
Até Jesus voltar no final 
Que você entenda que sempre foi especial, 
E no nosso casamento eu te dou o meu lado 
Pouco conhecido mas muito animado, 
Que quer te ver feliz o tempo todo 
Que no seu olhar se vê desmontada 
Eu te agradeço por ter ficado 
Por ter sorrido 
Por ter chorado 
E me mostrar que no fundo eu sou reflexo do mar no seu céu estrelado 
Que ilumina o seu teto como se fosse desabrigado 
E eu te abrigo no meu peito vazio e cheio 
Vazio de mim 
Cheio de você 
Que também entrou e fez morada 
Que sempre me fez sentir em casa 
E a porta está fechada se nós estamos dentro 
Obrigada por sempre me amar e me permitir te amar, em todo momento. 

Eu te amo, pra sempre.

You May Also Like

0 comments